Sustentabilidade está na moda

Sustentabilidade está na moda

O que é ser sustentável? O que seria sustentabilidade?

Então, a sustentabilidade está correlacionada as ações e/ou atividades desenvolvidas com o intuito de suprir as necessidades dos seres humanos, visando a manutenção da qualidade ambiental para as futuras gerações. Já ser sustentável é o uso, de forma consciente, do recurso.

Algumas pessoas podem até pensar que ser sustentável é mudar completamente seus hábitos, criando uma imagem de algo inalcançável, mas isso não é verdade. Existem diversos exemplos de formas de adaptações que podemos fazer no nosso dia-a-dia para contribuir com o nosso meio ambiente. Como exemplo podemos separar o lixo orgânico do lixo reciclável, reduzir o consumo de água durante o banho, apagar as luzes quando sair de um cômodo de casa, não utilizar sacolas plásticas, utilizar transportes públicos visando a diminuição dos gases do efeito estufa, dentre muitos outros.

Mas você já pensou aonde a sustentabilidade estaria inserida na moda? Um ambiente aonde o consumo é instigado ao máximo, não pensando no meio ambiente, na extração da matéria prima, na exploração de animais para testes de produtos etc. Sim, a sustentabilidade está presente na moda também.

A ex-modelo brasileira Gisele Bündchen usou um vestido sustentável durante uma cerimônia em Milão no ano de 2017. O vestido foi assinado pela estilista Stella McCartney e ele é feito a partir de viscose de origem sustentável de florestas certificadas da Suécia.

A realidade de conhecer um estilista pode ser inviável para muitos de nós, mas nem por isso podemos deixar de praticar a sustentabilidade. Com essa ideia de praticar a sustentabilidade no mundo da moda foram criadas guarda roupa compartilhados, onde, por um valor mensal, pode-se escolher uma ou mais peças de roupa e, após um prazo, devolvê-la.

Seguindo essa mesma linha, temos os brechós, aonde também se tem uma redução da energia no meio de produção e reduz o descarte de peças. Temos a ideia do brechó com roupa antiga e com cheiro de guardado, porém, existem diversos brechós de grifes que estão ganhando cada vez mais adeptos a causa.

Podemos pensar também nas nossas escolhas ao comprar uma roupa nova, podemos ter escolhas mais sustentáveis, como, dar preferência a tecidos de lã, pois a lã é um tecido biodegradável e reciclável e não necessita de insumos químicos.

As mudanças de hábito e costumes para práticas mais sustentáveis ocorrem ao decorrer do tempo e podem sofrer influências tanto sociais, como econômicos e como ambientais. Mas a escolha de mudar o hábito visando a proteção do meio ambiente e a preservação para as gerações futuras depende de cada um.

Com isso, podemos perceber que existem diversos exemplos para ser sustentável. Se cada pessoa fizer sua parte, como uma comunidade, poderemos consumir o que a natureza oferece e garantir um meio ambiente equilibrado para as futuras gerações.

 
Share

Recommended Posts